Apresentação e dedicação de bebes e crianças ao Senhor Jesus

Uma apresentação de bebes ao Senhor

Antes do culto, nesta manhã, e antes do ensinamento da escola dominical, temos uma – uma apresentação de bebês. E o meu irmão tem um pequenino e ele deseja dedicá-lo ao Senhor; meu irmão, na carne. E talvez, alguma outra mãe ou pai aqui tenha algum pequenino para ser dedicado. Agora, muitas vezes, na Bíblia. . .

E tivemos várias divisões nas igrejas por causa das diferentes teorias sobre o batismo infantil, e assim por diante. E, agora, há aqueles que os levam, e os aspergem como um batismo infantil, isto depende da forma que você deseja dedicá-lo. Mas, toda coisa se transforma em uma, a dedicação ao Senhor. Vêem? Agora…

Um bebe não tem nenhum pecado pessoal

Porque, o bebê, em relação ao pecado, não tem nenhum. Jesus morreu para tirar os pecados do mundo. E o bebê não cometeu nenhum pecado, só era… É um pecador. Nasceu em pecado. Mas quando Cristo morreu no Calvário, ele tirou os pecados do mundo, e o bebê não é responsável até que tenha a idade da responsabilidade. E qualquer bebezinho, não importa quão pecadores os pais sejam, tão logo que ele morre, ele vai diretamente para os braços de Cristo, vejam, porque Ele pagou o preço. Não importa se é um bebê nascido em pecado, e através do adultério ou seja o que for, isto não faz nenhuma diferença, aquele está salvo com Cristo porque Ele morreu para tirar os pecados do mundo. E quando – quando ele alcança uma idade suficiente, que comete um pecado pessoal, então ele tem que se arrepender pelo que ele tem feito. Mas ele não possui nenhum pecado pessoal até que tenha idade suficiente para cometer pecado, para saber o que é certo e errado. Mas, agora, sempre tentamos permanecer tão próximos a Bíblia a respeito destas coisas, quanto sabemos.

Uma cerimonia de apresentação de bebe

Agora, não existe nenhuma Escritura na Bíblia, para a aspersão de bebês. A única coisa que encontramos… ou, nenhum batismo infantil na Bíblia, em nenhuma forma. O único lugar que podemos encontrar, que está escrito aqui nas Escrituras, que Je… “Eles trouxeram até Jesus criancinhas, e Ele as tomou nos Seus braços e as abençoou, e disse: ‘deixai vir a mim as criancinhas, e não as embaraceis, porque das tais é do Reino do Céu.’”

Agora, que, agora, como Ele foi para Deus, e está assentado à destra, hoje, em Seu corpo físico, e no Trono de Deus. E Ele comissionou a Sua Igreja para ir a todo o mundo e continuar as obras que Ele começou aqui quando Ele estava aqui na terra, isto é, pregação do Evangelho, cura do enfermo, e dedicação dos filhos, e assim sucessivamente. Portanto, aos familiares é pedido que tragam seus pequenininhos ao Senhor, entregando-os ao seu pastor, em seus braços. E ele os levanta, pela fé, a Cristo, e roga a Cristo que os abençoe.

E então, se você tem um pequenino que – que você não o dedicou ao Senhor, e você gostaria de trazê-lo enquanto nossa irmã toca no piano, Traga-os Para Dentro, e podemos cantá-lo. Quantos conhecem o velho hino: Traga-os Para Dentro? E isto é ótimo. Agora, o Sr. e a Sra. Henry Branham trarão a sua pequenina. E se qualquer um dos outros que têm um e gostaria de trazê-lo, bem, traga-o imediatamente agora para a dedicação. Correto.
Traga-os, traga-os,
Traga-os dos campos do pecado;
Traga-os, traga-os, . . .?. . .

Eu quero lhes mostrar outra pequena Branham, a pequena Mary Ella Branham. É a filha do meu irmão e de sua amada esposa. Pois, eles vêm até aqui na frente nesta manhã, na igreja, para oferecer a pequenina vida, de volta a Deus, Quem a deu a eles.
Agora vamos inclinar nossas cabeças só um momento.

Oração de dedicação e apresentação dos bebes ao Senhor

Nosso bondoso Pai Celestial, aqui de pé na minha frente está hoje, meu próprio irmão na carne, e sua noiva, a sua esposa. E Tu tens abençoado o lar deles com esta pequena Mary Ella, para lhes dar alegria nos dias que virão. Eu Te agradeço por eles terem lembrado de onde vêm o bebê, e por eles trazê-la hoje à igreja, para que possam apresentá-la de volta a Ti. E eu agora entrego o bebê a Ti, nos braços da fé, e Te peço para abençoar a pequenina que estou segurando. E que ela possa viver e crescer. E se Jesus tardar, que ela possa ser Tua serva, para Te servir.

Abençoe o seu pai e mãe. E, Deus, conceda que o Teu Espírito Santo os guie através da viagem da vida. E um dia, quando esta peregrinação terrestre cessar, que toda a grande família esteja reunida na glória. Conceda-o, Senhor. Até aquele tempo, que a criança possa crescer e ser abençoada por Deus, que tenha saúde e que seja forte, e que seja um exemplo às mulheres em geral nos dias que virão. E daremos louvor a Ti. Pois apresentamos o bebê a Ti agora, no Nome de Jesus Cristo, Teu filho. Amém.

E eu a devolvo. Deus te abençoe. O Senhor te abençoe. Correto.
Lembranças preciosas, como duram,
Enviadas de algum lugar para minha alma;
Como elas permanecem, sempre perto de mim,
Preciosa, sagrada cena revelada.

A natureza do bebê é dócil

Como louvamos a nosso querido Senhor por todos pequenininhos! Você sabe, simplesmente parece estranho como fomos uma vez pequenininhos assim. E há algo a respeito do bebê que é altruísta, magnânimo e tão afável. Mesmo o nosso Senhor os comparou, e disse: “A não ser que você se converta e seja como um destes pequenininhos”, tão fácil.

Eu observo meu pequeno José, como ele está exatamente na idade de fazer tudo, e a mãe simplesmente tem que corrigi-lo. E ele joga o abajur, ou seja lá o que for, só para ouvir aquilo cair no chão. E então se acontece dele apanhar de sua mãe, ou algo, ele sobe imediatamente em seus braços e coloca os braços ao seu redor assim.

Temos que ser perdoados, uns pelos outros, como estas criancinhas, para entrarmos no Reino.

Agora, agradecemos a Deus por este bebezinho, a pequena Mary Ella Branham. E que ela possa viver, crescer e prosperar e que seja uma serva do Senhor. E que o lar que ela for criada seja um lar cristão, e que ela possa crescer na apreciação de Cristo. E agora estamos…
Obrigado, irmã Gertie.

E agora as crianças tomem seus lugares no cômodo para as classes da escola dominical.
Mensagem: José encontrando seus irmãos – Parágrafos: 2 ao 16

Esta entrada foi publicada em Crianças, os pequeninos de Deus e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.