Como vencer o pecado e se encher do Espírito Santo

E nós não somos salvos por obras, pelo que fazemos. Não é o que eu fiz que me salva. É o que Cristo fez que me salvou. Vêem? Não o que… eu não tenho nenhuma santidade.

Se eu tentasse dizer: “Bem, eu parei de beber. Eu parei de fumar. Eu parei de roubar, mentir e assim por diante.” Isto foi o que fiz, vêem. Aquilo seria eu mesmo. Eu teria algo com que me jactanciar.

Mas eu não — eu não parei com nada. Ele simplesmente veio a mim e tirou aquilo de mim. Vêem? É isto. Então não é o que fiz. É o que Ele fez.

E, então, o Espírito Santo habita dentro, e cresce diariamente ; cresce, Se fazendo maior e maior; tirando fora as coisas, as ansiedades, a tentação. À medida que você as vence, o Espírito Santo toma o Seu lugar. Você sabe de uma coisa? Se você tiver uma má tentação de algo que não está certo; vença aquela coisa algumas vezes, e observe se o seu testemunho não floresce quanto àquilo.

Veja Sansão. Quando ele encontrou… o leão correu para matá-lo, e ele matou o leão quando o Poder de Deus veio sobre ele. O matou com a sua mão vazia, provavelmente separou as suas mandíbulas. Um pequenino, insignificante sujeito de cabelos encaracolados, mais ou menos desta altura. Pequenino sujeito, de aparência esquelética, na rua, sete trancinhas penduradas na sua cabeça, como um pequeno efeminado. E ele não passava de um pequeno efeminado, até que o Espírito de Deus veio sobre ele.

Agora, não seria difícil crer que um grande e forte gigante pudesse matar um leão com suas mãos. Eu creio que ele poderia fazê-lo. Mas o engraçado da coisa foi que, quem o fez, foi este sujeitinho.

Mas o Espírito no Senhor veio sobre ele, e ele matou o leão, e o jogou do outro lado. E as abelhas construíram sua colméia ali. E Sansão… o mel mais doce que ele havia comido, vindo da carcaças daquele leão morto. Correto? Por que? Ele venceu com o Poder de Deus.

E se você tem algo de onde você deseja comer algum mel doce, vença aquilo com o poder de Deus. Certo. Veja quão bom é. Oh, que coisa. Passe… talvez você tenha sido um bêbado, e mesmo assim, todas as vezes que você sente cheiro de uísque ou de cerveja, ou algo, você deseja beber. Vença isto pelo Poder de Deus; e passe por aquilo uma vez, e veja que sentimento você tem no seu coração, quando tudo estiver morto e acabado então, tudo terminado. Oh, que coisa, extraia daquilo aquele doce mel!

Agora, aquelas pessoas realmente venceram. No dia do Pentecostes, todas elas se encheram com o Espírito Santo. Os poderes de Deus estavam sobre elas. Elas tinham dons que lhes foram dados, para falar em línguas, e tudo mais. Eles simplesmente estavam tendo um maravilhoso tempo, e a Igreja estava em fogo.

Agora eu me aproximarei de outro pequeno ponto de vista aqui, de Estevão, durante este tempo, até eu voltar para o meu texto original novamente, se eu puder. Observe, ali está um homem chamado Estevão. Ele não era um dos apóstolos. Não, ele não era. Ele era apenas um diácono. Mas, oh, irmão, ele tinha algo no seu coração. Ele não podia ficar quieto.

Esta é a maneira que todo homem fica quando ele recebe Isto no seu coração. Simplesmente não pode suportar; oh, ele tem que contar para alguém!

E aqui estavam eles, fora na rua, tendo um reavivamento, e simplesmente tendo um tempo glorioso. Ora, isto foi como um incêndio em cada casa, como um vento forte. Você simplesmente não conseguiria apagá-lo. Isto é tudo.
Mensagem: Atos do Espírito Santo – Parágrafos: 40 ao 51

Esta entrada foi publicada em Salvação e segurança. Adicione o link permanente aos seus favoritos.