Eles rejeitaram a Palavra de Deus manifestada

Por quinze anos O tenho visto mover-Se sobre a terra, e eles ainda seguram-se a seus credos. Eles são culpados! Eles tomaram a Palavra que teriam trazido a igreja, todas as igrejas juntas, e feito uma grande união fraternal entre os pentecostais e todo o resto deles; ao invés de fazerem assim, eles A rejeitaram, e recusaram, e zombaram Dela, e A chamaram de tudo quanto é coisa agora.

SOBRE QUALQUER DESTAS PALAVRAS PELAS QUAIS ELES TEM SUBSTITUÍDO CREDOS, EU OS ACUSO COMO CULPADOS, E O SANGUE DE JESUS CRISTO SOBRE SUAS MAOS POR CRUCIFICAR AO SENHOR JESUS PELA SEGUNDA VEZ. ELES ESTAO CRUCIFICANDO A CRISTO AO PÚBLICO, TIRANDO O QUE DEVERIAM DAR, E SUBSTITUIRAM POR ALGO MAIS EM SEU LUGAR, UM CREDO DE UMA IGREJA PARA POPULARIDADE.

SOBRE QUALQUER DESTAS PALAVRAS PELAS QUAIS ELES TEM SUBSTITUÍDO CREDOS, EU OS ACUSO COMO CULPADOS, E O SANGUE DE JESUS CRISTO SOBRE SUAS MAOS POR CRUCIFICAR AO SENHOR JESUS PELA SEGUNDA VEZ. ELES ESTAO CRUCIFICANDO A CRISTO AO PÚBLICO, TIRANDO O QUE DEVERIAM DAR, E SUBSTITUIRAM POR ALGO MAIS EM SEU LUGAR, UM CREDO DE UMA IGREJA PARA POPULARIDADE.

E agora, por uma federação de igreja, através do plano do diabo, tratando de entrar e dizer: “Agora nós viremos, compraremos Azeite”. Eles estão rejeitados. E eles tem… Eles são culpados de crucificar a Jesus Cristo. Você aceita isto nas condições de Deus, ou suas condições não funcionarão. Estão vendo?Eles rejeitaram a Palavra de Deus manifestada, por seus credos, e eles estão fazendo o mesmo hoje.

“Ele era a Palavra”, João, São João 1. Hebreus 13:8 diz: “Ele é o mesmo ontem, hoje, e eternamente”. Agora eles O estão crucificando novamente.

Sabem vocês que a Bíblia diz que poderíamos fazer isso? Quantos gostariam de ler só um pouquinho? Vocês me darão mais quinze minutos? [A congregação: “Amém” – Ed.] Correto. Voltemos agora, só um minuto, “crucificado de novo”. Vamos a Hebreus, capítulo 6, e leiamos só um pouquinho. Hebreus 6, e vejamos se nós “crucificamos o Filho de Deus novamente”, vejamos se isso pode ser feito.
Você diz: “Não se pode crucifica-Lo a segunda vez”.
Veremos se podemos ou não. A Palavra de Deus é verdadeira. Correto? [A congregação: “Amém” – Ed.] É Hebreus 6:1.

Pelo que, deixando os rudimentos da doutrina de Cristo, prossigamos até à perfeição, não ao lançar um fundamento do arrependimento e obras mortas e de fé em Deus.
E a doutrina do batismo… imposição de mãos, e de ressurreição dos mortos, e do juízo eterno.
…isto faremos, se Deus o permitir.

Vêem, Paulo deseja informar que estas coisas aqui são absolutamente essenciais; batismos, imposição de mãos, a ressurreição, segunda Vinda. Todas estas coisas são Eternas. Elas são absolutamente a Verdade.

Agora observem: “Pois é impossível”. Leia comigo, este versículo. Eu quero que você leia comigo agora, o versículo 4. [O Irmão Branham e a congregação lêem os três seguintes versículos unicamente – Ed.]

Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se fizeram participantes do Espírito Santo,
E provaram a boa palavra de Deus, e a virtude do século futuro,
E recaíram, sejam outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, que de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério.

É essa a minha palavra, ou a Dele?

“O homem que vem ao conhecimento”. Recordem, eles nunca A tiveram. Eles era crentes fronteiriços. “Após termos recebido o conhecimento da Palavra de Deus”, você adquire isto de um conhecimento, de ler e vê-La, “e então A rejeita, então, você, é impossível a você em alguma ocasião ser salvo”. Você leu isto agora? Vêem? “Terem recebido o conhecimento da Verdade”, apenas, você entende isto. Você nunca A teve.

É como aqueles crentes que se foram. É exatamente um tipo da jornada. Este, este terceiro, este terceiro êxodo, é apenas um tipo do resto deles. Vejam, vejam lá atrás. Deixe-me mostrar-lhes uma coisa, só um minuto. Perdoem a expressão. Vejam.
Israel tomou doze homens, um de cada tribo, cabeça denominacional, e os levou para as margens da fronteira, da terra prometida, e mostrou-lhes aquelas boas coisas por vir, que eles tinham. E eles voltaram, queixando que: “Nós não fomos capazes de faze-lo”.

Porém haviam dois dentre os doze, Josué e Calebe, disse que eles olharam na Palavra. “Deus disse que é nossa, e nós somos mais que capazes de possui-la”. É isto certo? [A congregação: “Amém” – Ed.]

Que foi isso? Crentes fronteiriços. Vêem, na realidade eles nasceram na igreja. Eles eram cabeças do povo. Eles eram bispos, por assim dizer, que caminhavam diretamente para onde a Palavra de Deus estava mostrando ser a Verdade. “Ali está a terra!” Eles nunca tinham estado ali. Eles não sabiam que ela estava ali. Porém vieram para ver que estava ali. “Ali estava!” E Josué e Calebe foram, e trouxeram um – um – um cacho de uvas e deixaram que eles comessem algumas delas. E eles provaram da boa terra, e então voltaram e disseram: “Nós não podemos faze-lo. Estão vendo? Nós simplesmente não podemos faze-lo”.

Aqui está o mesmo grupo, no tempo de Jesus Cristo. “Rabi, nós sabemos que Tu és um mestre vindo de Deus”. Estão vendo? Fronteiriços! “Nós sabemos que Tu és um mestre vindo de Deus. Nenhum homem poderia fazer as coisas que Tu fazes. Nós reconhecemos que Deus tem que estar ali”. Por que eles não aceitaram? Por que eles não receberam? Fronteiriços! Fronteiriços!

Aqui estão eles neste terceiro êxodo; mesmo sinal, mesma manifestação, mesmo Cristo, mesmo Espírito Santo, mesmas obras, mesmo Deus, mesma Mensagem, e eles não podem aceita-La. Eles teriam que devolver seu cartão de companheirismo. Que é isto? “Eles tiveram um conhecimento da Verdade”. Eles olharam e viram que isto é absolutamente a Verdade. Eles não podem nega-La. As revistas tem que atestar que eles A viram. As fotografias, os jornais, a evidência, a ressurreição dos mortos, os atestados médicos dos enfermos, eles tem que dizer que isto é Ele. E as predições, nenhuma delas alguma vez já falhou através dos anos, cada uma delas exatamente à risca, eles não podem dizer nada senão que é Deus. Mas eles não podem aceita-Lo.

Aquele grupo de ministros em Chicago, uns trezentos e tantos, viriam e seriam batizados no Nome de Jesus Cristo. Onde estão? O preço é elevadíssimo. Eles não podem faze-lo. Que é isto? A Bíblia diz, quando fazem isso, o que fazem eles? Eles separam a si mesmos entre a misericórdia e o juízo. “Pois é impossível que aqueles que uma vez foram iluminados”, foram trazidos a ver Isto, “e tiveram conhecimento da Verdade, e provaram da boa Palavra de Deus, e se apartaram Dela, sejam renovados outra vez, digam: ‘Bem, agora, eu desejo, sim,…’”

Vocês presbiterianos, vocês metodistas, e batistas, e luteranos, e isto de que os Homens de Negócios do Evangelho Completo, dizendo que “estão entrando”, não deixaram a Mensagem entrar. Sua igreja não deixa. Há indivíduos ali, certamente. Mas, não a igreja; você tem que sair da igreja, para obtê-La. Estão vendo? Correto. Indivíduos, está bem.

Mas quando você pensa que a igreja presbiteriana vai receber o Espírito Santo, e todos eles tirar seus documentos, e, nunca pense isto. E pensam vocês, metodistas, que vão faze-lo? Vocês nunca farão isto. Vocês, trinitarianos, pensam que receberão o Nome de Jesus Cristo e serão batizados cada um no… Nunca o farão. Vocês nunca o farão. Porém indivíduos sairão e o farão, isto é certo, e este é o sinal de Sua Vinda. Mas aquelas igrejas que tem visto a Verdade, e A rejeitaram em seus concílios, “é impossível”.

Então, eles são culpados da crucificação de Jesus Cristo. E eu os acuso pela Palavra de Deus, que Deus tem… “Como o senhor os acusa, Irmão Branham?” Eu os acuso, que Deus tem claramente Se identificado em Sua Palavra, nos últimos dias, e deu a conhecer que Ele continua o mesmo ontem, hoje, e eternamente, e eles friamente A rejeitaram. E vocês são culpados da crucificação de Jesus Cristo, por blasfemar o Espírito Santo. Isto é certo.
Mensagem: A acusação – Parágrafos: 230-247.

Faça o download da mensagem completa em PDF: A ACUSAÇÃO

Esta entrada foi publicada em Pecado e incredulidade e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.