O batismo com o Espírito Santo é uma experiência definitiva

Tendo sido batizado no nome de Jesus. Diz a palavra que recebereis o dom do Espírito Santo. Isto significa o batismo, o Espírito Santo ou significa que deveria receber o dom – definitivo – eu deveria receber uma experiência definitiva com o batismo? Estou desejoso de ser – de ser cheio com o – com o Espírito: Por favor, perdoem-me a nota longa, por longo tempo tenho estado desejando fazer-lhe esta pergunta. Obrigado a você. E a pessoa tem assinado seu nome. São gente de fora do povo.

A evidência inicial de ter recebido o Espírito Santo

Agora, aí há boa pergunta. Agora, o batismo com o Espírito Santo é uma experiência definitiva que uma pessoa deve receber. Agora, muita gente tem a – a idéia… Creio que está… E talvez aqui mesmo na igreja, e a igreja que está escutando; pode que haja uma pergunta. Agora, quando falo de não crer que a evidência inicial do Espírito Santo seja falar em línguas (eu – eu não aceito isso), com a ajuda de Deus creio que posso prová-lo na Bíblia que isso está errado, vêem? Porque o falar em línguas é um dom do Espírito Santo. Quantos sabem disso? A cura divina é um dom do Espírito Santo e aqui os Beatles o estão fazendo. Vêem?

O dom de falar em línguas

Satanás pode personificar qualquer desses dons. As bruxas, feiticeiras, podem falar em línguas e interpretá-las. Nas terras da floresta, muitas vezes um feiticeiro fala em línguas, bebe sangue de um crânio e interpreta línguas desconhecidas.

Ali no Arizona, quando eles tem a velha dança do festival da dança do trigo, os índios se enrolam com essas serpentes “bull” ao redor deles quando estão tratando de orar a Deus para que lhes envie a chuva para seu trigo. Eles o chamam dança do trigo. Toma a inflorescência do trigo, colocam ao redor e fazem uma nuvenzinha e dançam. E o médico bruxo sai com chifres em sua cabeça, chifres de búfalo. E dançam com essas serpentes “bull” enroscadas, e os feiticeiros e muitos dos fumadores de cachimbo e coisas ao redor do lugar… Não permitirão a um homem branco nos arredores nesse tempo, porém os tenho observado por meio de binóculos, e tenho amigos índios que iam em suas danças, esses são os que não são cristãos por certo. E dançam esta dança do trigo sustentando essas serpentes. E sai o feiticeiro e se corta com facas e todas as coisas, e finalmente entram no espírito e fala em línguas e as interpretam.

Tenho – poderia levar-lhes entre umas três ou quatro horas desde agora, onde um médium porá um lápis na mesa e entra em transe e todas as classes de coisas e agita suas mãos e esse lápis se levanta e escreve em línguas desconhecidas, e o feiticeiro se levanta e te diz o que diz.

A verdadeira evidência de ter o Espírito Santo

Agora, essa não é evidência do Espírito Santo. Vêem? Não podes confiar no fruto do Espírito, porque o primeiro fruto do Espírito é amor. E a Ciência Cristã exerce mais amor que qualquer outro que eu saiba, e eles negam mesmo que Jesus Cristo seja Divino. Vêem? Só há uma evidência do Espírito Santo que eu saiba, e essa é uma fé genuína na prometida Palavra da hora.

Não basta apenas ser religioso

Agora, vêm aqueles Judeus, eles tinham mais religião que a tinham os discípulos. Eram homens adestrados nas Escrituras mais que os discípulos, porquanto eram pescadores, cobradores de impostos e assim sucessivamente. E eles tinham verdadeira fé e fé genuína no que faziam. Agora, atentem detidamente agora, não percam isto! Vêem? Quando se chega a ser frutos do Espírito: bondade, mansidão, imagino que não havia um desses sacerdotes que podiam exceder a Jesus Cristo nisso. Ele foi ao templo, vestes pregueadas, os olhou com ira e virou as mesas deles e lhes pôs a correr do lugar. Isso é certo? A Bíblia diz que Ele lhes olhou com ira. Isso diz a Bíblia. Isso é exatamente correto.

Não basta produzir bons frutos

Portanto vejam, aqueles sacerdotes eram benévolos, mansos, homens entendidos. Quando se chega a frutos do Espírito, podiam mostrar mais frutos do Espírito que os que poderia mostrar Jesus. Quando se chega a teologia, eles não sabiam – tem uma escola da qual Ele havia saído. “De onde veio este homem? De onde Ele saiu? Que cartão de companheirismo tem ele? A que organização pertence? Não sabemos de onde ele vem. Ele era absolutamente um indivíduo desterrado que teve um nascimento ilegítimo. Claro, poderíamos descer aqui e nuns poucos minutos mostrar-lhes pela lei…” Tinham direito de fazer o que fizeram quando se chegava a isso. Por que? Porquanto falharam em ver que Ele era a Palavra Prometida da hora. A única maneira que o reconheceram, quando Jesus realizou a Palavra ao poder dizer-lhes o que tinham em seus corações, que haviam estado fazendo… Ele era o Profeta conforme à Palavra de Deus. O que Ele dizia acontecia, toda palavra, palavra por palavra.

Ele era o Profeta de Deus, Servo: Deus o Profeta. Não… estava – estava – estava ali diante, o profeta de Deus, e este é Deus o Profeta, não o profeta de Deus. Isso foi Malaquias, Jeremias, Isaias, Elias e assim sucessivamente, mas este era Deus o Profeta. Não o profeta de Deus. Entenderam agora?
Todos os profetas que representaram Sua vida em porções, fizeram sua parte, porém n’Ele está a Plenitude de todos os profetas. Os profetas, a eles veio a Palavra do Senhor, aos profetas, porém Este era a Palavra e o Profeta, a mesma Pessoa. Vêem?

A maneira em que se recebe a Cristo

Agora, agora, quando um homem recebe a Cristo na mesma maneira que Ele está, você não pode aceita-lo como sendo… Vêem? Agora, alguns deles dizem: “Bom, sou Luterano”. Bom, não há nada contra isso, porém as Águias não se alimentam disso. Vêem? Isso era até onde foi; essa comida fresca daquele dia.
“Sou um Wesleyano”. Isso está bem, mas estás vivendo no passado, vêem?
Agora, aquela gente dizia: “Claro, a Abraão temos por pai”.
Aquele Profeta disse: “Deus pode levantar filhos a Abraão destas pedras”. Vêem?
“Pertencemos a isto. Pertencemos àquilo”.
Isso nada tinha… Ele disse: “Geração de víboras quem vos induziu a fugir da ira? Não comeceis a dizer: “A Abraão temos por pai, porque Deus pode levantar filhos a Abraão destas pedras”. Vêem?

A Palavra do dia

Assim sendo, ser um teólogo bem adestrado nada tinha que ver com isso. Que fazia a Ele diferente? Ele era a Palavra feito carne, não a Palavra do dia de Moisés; Moisés foi aquele dia – a Palavra, nem a Palavra para os dias de Noé; Noé foi a Palavra para aquele dia – não o dia, a Palavra para o dia de Elias; Elias era aquela Palavra para aquele dia; porém Ele era a Palavra do tempo presente e eles estavam vivendo no passado.

Se repete a mesma coisa. Essa é a evidência do Espírito Santo, quando Deus te revela e o vês; Assim Diz o Senhor, e o aceitas. Não o que tu és, ou o que eras ou nada disso; é o que Deus tem feito por ti agora. Aí está a evidência.

Jesus disse… Ele nos dá a evidência do Espírito Santo – João 14. Ele disse: “Tenho que dizer-vos muitas coisas. Não tenho tempo para faze-lo, mas quando vier o Espírito Santo, Ele vos dirá: vos recordará as coisas que vos disse e mostrará coisas que hão de vir”. Não o vêem? Aí está a evidência. Isso é predizer e ser – tendo a interpretação Divina da Palavra escrita. Agora, não é essa a evidência de um profeta?

Na Bíblia um vidente era um homem que podia predizer e seria perfeitamente exato, não alguém impondo-lhes as mãos, esse é um dom Um profeta é predestinado e nasceu para ser profeta. Vê? Toda a vida foi um profeta, este é um ministério. Aí é onde a gente…

Muitas das perguntas aqui é: “Bem, a Noiva… fará isto…?” “A Igreja e…” Vêem? Vocês… vocês não podem dividir o que eles são. A Noiva é a Escolhida de Deus. A Igreja passa através… Essa é a que diz: “Aquele que quer, que venha”. Porém a Noiva está escolhida por Deus.

Há cinco ministérios escolhidos de Deus: “Porque Deus tem colocado na igreja apóstolos, profetas, mestres, pastores, evangelistas”. Deus fez isso. O homem tem diáconos e assim sucessivamente e tudo demais, porém vocês vêem, mas Deus os colocou na Igreja para a perfeição da igreja – não o podes dividir.

O Espírito Santo testifica da Palavra

Agora, o Espírito Santo, quando Ele vier Ele será uma Testemunha para você (vê?) que esta Palavra é correta, a Palavra para hoje; não a Palavra para Lutero, a Palavra, nem para Moisés. Testificamos que Ela é a Verdade, porém é outro dia.

Agora, que seria se Jesus viesse e dissesse: “Agora, tal como Moisés veio tirando-lhes do Egito, tenho vindo para levá-los a algum outro lugar”? Que seria se Ele dissesse: “Vamos trabalhar e construir uma arca. Eu sou o Senhor Deus, Eu… Eu vou inundar o mundo agora. Vou afogar o mundo, a todos eles”? Claro, Ele não haveria sido o Messias. Não importa quanta arca Ele houvesse construído, seja o que fosse que fizesse. Ele ainda não é – não haveria se qualificado o Messias. Aleluia! Aí o tem. Isto é qualificação! Sim senhor!

I Coríntios 13 diz isto: “Quando vier o que é perfeito, o que é em parte será tirado”. Portanto, todas estas coisinhas de saltar de um lado para o outro como um garoto, tratando de falar em línguas e todas estas coisas, quando vier o que é perfeito… E hoje temos, pela ajuda de Deus, a interpretação perfeita da Palavra com vindicação Divina. Então o que é em parte será tirado. “Quando era menino, falava como menino, pensava como menino, mas quando me tornei homem, deixei as coisas de menino”. (I Cor. 13:11). Amém. Começo a pregar e então não chego a estas coisas.
Mensagem: Perguntas e Respostas N° 2 – Parágrafos: 39 ao 57

Esta entrada foi publicada em Espírito Santo e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.