Por que Demas abandonou Paulo

Demas abandonou PauloAgora, eu creio que Demas não o abandonou e foi para as boates. Eu não creio que Demas fez isto, porque Demas foi um homem cheio do Espírito. Ele era um grande ajudador. Se você já tomou a história de Demas, ele era um pregador notável, um bom homem, culto, de alta educação e polido. Ele era um homem inteligente. Mas por que abandonou ele a Paulo? Essa é a coisa. Que fez ele fazer isso, abandonar a Paulo? Eu não creio que haja querido ir a uma boate ou algo. Mas eu creio que era Deus separando Paulo. Agora eu imagino Demas. . .

Vamos tomar alguns pensamentos de Demas. Como eu estava assentado em uma ladeira, surpreso outro dia, mais ou menos no raiar do dia, e eu estava pensando: “Por que quis Demas deixar aquele companheiro? Por que deixaria ele aquele pobre pequeno pregador que o guiou ao Senhor, o homem o qual era o ponta de lança do reavivamento entre os gentios, de fato um profeta?” Ninguém podia declarar senão que ele era um profeta. Ele era mais que um profeta, ele era um apóstolo, e um grande e poderoso apóstolo para os gentios. E Demas se associou com Paulo, teve companheirismo, e viu o Espírito de Deus mover sobre aquele homem. E por que virou ele suas costas a tal pessoa como aquela, sendo vindicado que ele era um servo de Cristo? Observou você Paulo aqui, “Amando o presente mundo.” Agora, eu não penso que Demas seja um apóstata. Eu não penso que ele fez aquilo. Mas eu penso que ele – ele obteve uma opinião errada acerca de Paulo.

Agora, Demas veio de uma família rica e ele era rico, e dinheiro às vezes significa religião para as pessoas. Como eles dizem na Califórnia: “Se você não possui três Cadilacs, você não é espiritual.” Então isto quer dizer, se você não é próspero, se você não tiver a melhor igreja lá nesta cidade, o povo não vai. É quase daquela maneira aqui. Provo. Para vocês – vocês têm que ter a melhor igreja do estado, ou eles dizem: “Você, oh, você quer dizer que está ligado a um grupinho como aquele?”

Vocês sabiam que nosso Senhor não tinha um lugar para inclinar Sua cabeça? Vocês sabiam que Ele possuía somente uma capa? Vêem? E Ele possuía isto, Ele era simplesmente aquele tipo de pessoa que era pressionada por todos os lados. E Ele não possuía lugar nenhum para reclinar Sua cabeça. Mas eles podiam ter pensado a mesma coisa, e pensaram, a respeito Dele.

E, agora, eu creio que Demas viu uma falha, conveniente, no ministério de Paulo. Eu penso que ele pensou que o velho companheiro estava liquidado, perante Deus. Agora, ele pensou que o povo que arrancaria seus olhos para dar a Paulo. . .
Mensagem pregada pelo profeta William Branham: A fase presente do meu ministério – Parágrafos: 55 ao 59

Paulo disse: “Eu… Todos os homens se voltaram contra mim. Não há ninguém comigo. Demas me desamparou, amando este presente século. E agora eu… (veja!) E o latoeiro causou-me muito dano”.

Veja o que Demas deve ter pensado. “Ora, vi Paulo pregar o Evangelho e curar os enfermos; e aqui ele mesmo se encontra sofrendo, levando um médico com ele, Lucas, o tempo todo que vai, levando um médico consigo, um homem pregando divina… Ora, eu o vi cegar um homem; disse: ‘O Senhor te repreenda, e ficarás cego por uma estação;’ e deixou o latoeiro expulsá-lo de uma reunião. Calculo que perdeu seu poder de cegar os homens. Finalmente ele perdeu seu poder de cura divina. Deus virou contra ele”.

Creio que Demas não foi para o mundo, porque Demas era de uma… Você conhece a história dele, ele era de uma grande família rica; e queria acompanhar o resto da turma. Mas Paulo, coitadinho do Paulo, o que foi aquilo? Deus sempre deixa um ministério ficar assim e então o coroa.

Ele deixou Jesus chegar a um ponto (olhe aí!), quando Ele podia ressuscitar os mortos, quando Ele podia fazer qualquer coisa que Ele quisesse, e deixar um soldado romano arrancar barba de Seu rosto e [O irmão Branham faz o som de cuspir – Ed.] e cuspir em Seu rosto. Bateu-Lhe na… Pôs um trapo em volta de Seu rosto, e disse: “Agora, você sabe, dizem-me que Tu és profeta…” Todos eles ficaram em volta com suas canas e feriram-Lhe a cabeça. [O irmão Branham ilustra bater Nele – Ed.] E disseram: “Agora dize-nos qual Te bateu”. Ele sabia quem Lhe bateu.

Claro que Ele sabia! Está vendo? Mas Seu ministério estava para ser coroado. Sempre chega a esse ponto onde parece estar muito, muito fraco, quase acabado, então Deus o coroa.
Mensagem: Nomes blasfemos – Parágrafos: 39 e 40

Demas era amante das coisas populares

…o amante de coisas populares, Demas, o desamparou, pelas coisas do mundo, seu ajundante; se você tivesse visto todas as pessoas rindo de Paulo, ao ouvir Paulo dizer, “Traga-me uma capa”. Um homem com um ministério como ele tinha, e só tinha uma capa.

Ora, Demas pensou, “Ele devia ter uma grande e pomposa escola Bíblica, tudo isto organizado em todo lugar, e em alguma grande associação. Ora, ele podia curar os doentes. Ele era um profeta. Ora, ele devia ter toda a espécie de dinheiro, milhões de herdeiros, e o homem ali tinha somente uma capa”.

Disse, “Está ficando frio aqui. Diga-lhe para me trazer a capa quando vier”.

E Demas, vendo isto, foi com o mundo, e deixou seu pobre irmãozinho para lutar sozinho. Você ousaria ficar a ver Jesus lá fora, frio, vê-Lo necessitado, e afastar-se Deles?

Recordam de São Martin? Muitos de vocês irmãos se lembram dele, os escritos de São Martin. Ele estava em Toras, França, e ele não era um Cristão. Sua mãe era uma Cristã. Ele era um primo de – de Irineu. E, então, isto foi diversas centenas de anos após a morte dos apóstolos, quando eles estavam ainda tentando manter a Palavra de acordo; e a igreja Católica estava imitando tudo em dogmas, e eles não iriam suportar isso.

E São Martin, atravessando um portão, onde… uma tarde fria, e lá estava um pobre velho mendigo ditado lá, morrendo de frio. Ninguém lhe dava uma capa. São Martin retirou sua própria capa, cortou-a ao meio e envolveu o mendigo nela, e se foi. Eles riram dele. “Que soldado mais bobo é esse. Ele está violando os próprios regulamentos de nosso exército. Ele está fazendo tudo isto. Um homem envolto em meia capa, por aquele vagabundo”.

Aquela noite quando deitado em sua cama, ele foi acordado por um ruído. E quando ele olhou, lá estava Jesus de pé envolto naquele pedaço de capa. Ele reconheceu que o que tinha feito àquele mendigo, ele fizera para Cristo. Essa foi sua conversão.

Você permaneceria e veria o Evangelho sofrendo hoje? Ou você iria com a multidão amante de coisas populares, como Demas fez? Você vai permanecer junto a Ele, viver ou morrer? Como Pedro fez, “Estou pronto para ser preso, ou o que for, Contigo”. Sim.
Mensagem: Identificação – Parágrafos: 164 ao 171

 

 

Esta entrada foi publicada em e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.