Será que a era apostólica acabou? O que diz a Bíblia sobre isso?

O que a Igreja foi no dia de Pentecostes, essa é a norma. Esse é o padrão. Não há nenhum outro padrão. Não importa o que digam os estudantes, Deus não tem mudado aquele modelo. O que Deus fez no dia de Pentecostes, tem que continuar fazendo até que terminem as Eras da Igreja.

Existem apóstolos hoje em dia?

fé em DeusEmbora os mestres digam a você que a era apostólica tem cessado, não creia nisso. Tal declaração está errada por duas razões. Primeiro, ela está errada em supor que já não há apóstolos porquanto os primeiros doze têm morrido. Um apóstolo quer dizer um “enviado”; e hoje há muitos enviados, porém chamamos missionários. Portanto, enquanto houver homens chamados e enviados com a Palavra de Vida, então continua a era apostólica. Em segundo lugar, eles fazem referência a uma era da “manifestação do poder do Espírito Santo” como sendo ultrapassada desde que a Bíblia tem sido completada. Isso não é certo. Não há nenhuma só Escritura que sugira isso, mas decisivamente declaram o contrário. Aqui está a evidência que prova que estas duas declarações são falsas:
E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo;
Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos e a todos os que estão longe; a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar. Atos 2:38-39

A promessa do poder com o qual os apóstolos foram dotados no dia de Pentecostes, é para “Vocês (judeus) e para seus filhos (judeus), e para todos os que estão longe (gentios), e para tantos quantos Deus nosso Senhor chamar (judeus e gentio)”. Até que Ele deixe de chamar, a Mensagem e o poder de Pentecostes não cessarão.

O que a Igreja teve no dia de Pentecostes é seu direito inalienável. Originalmente ela teve a pura Palavra de Deus. Ela teve o poder do Espírito manifesto em diversos sinais e prodígios e dons do Espírito Santo.
Mensagem: As sete eras da igreja – A era da igreja de Éfeso – Parágrafos: 6 ao 9

 Há poucas noites atrás, um certo ministro, do Arizona, de uma grande e famosa escola aqui nesta cidade, veio a mim e disse: “Eu – eu desejo lhe corrigir sobre algo” (Eu disse…) “Quando você tiver oportunidade”.
Eu disse: “Esta é a melhor oportunidade de que eu saiba. Venha”.

E deste modo ele veio, ele disse: “Sr. Branham, o senhor está tentando… Eu creio que o senhor é sincero e que o senhor é honesto, porém o senhor está tentando introduzir ao mundo uma Doutrina apostólica”. E disse: “A era apostólica cessou com os apóstolos”.

Eu disse: “A primeira coisa que eu gostaria de lhe perguntar, meu irmão, o irmão crê que cada Palavra de Deus é inspirada?”
Ele disse: “sim, senhor, eu certamente creio”.

Eu disse: “Então, me mostraria o irmão, na Palavra, aonde a era apostólica cessou? Agora, o irmão me mostre aonde está isto, eu crerei com o irmão”. E eu disse: “O escritor da era apostólica, aquele que tinha as chaves do Reino, no dia de Pentecostes quando a era apostólica foi introduzida, eles disseram: ‘Varões e irmãos, o que podemos fazer para sermos salvos?’ Ele disse ‘Arrependei-vos, cada um de vós, e sejam batizados no Nome de Jesus Cristo, para a remissão de pecados, e vós recebereis o dom do Espírito Santo, pois a promessa é para vós e para vossos filhos, e para aqueles que estão longe, a tantos quantos o Senhor nosso Deus chamar’. Agora, como pode a Palavra contradizer a Si mesma?”
O homem disse: “Eu estou com um terrível resfriado nesta noite”.
Eu disse: “Eu penso que sim, também”. Estão vendo?

Agora me diga, Deus ainda está chamando? Se Deus ainda está chamando, então a era apostólica está ainda em existência. Certamente! Tantos quantos o Senhor nosso Deus chamar, alguma vez chamar, alguma vez chamará, tantos quantos Ele chamar, isto ainda será a era apostólica, pois Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje, e para sempre.
Mensagem: A SEMENTE DE DISCREPÂNCIA – Parágrafos: 45 ao 49

Esta entrada foi publicada em Ministério e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.