Um sinal de Deus

O sinal de Deus que passou despercebido 

Eu quero entrar no assunto, o Senhor permitindo, com alguma Escritura que eu tenho escrita aqui, por apenas uns poucos momentos antes de orarmos pelos doentes, sobre o assunto: E Eis Que Está Aqui Quem é Mais do Que Salomão.

Nós encontramos no começo de nossa Escritura esta noite, onde nosso texto é encontrado, que Jesus estava discutindo com os Fariseus. Ele os estava repreendendo, porque não O tinham entendido. Um Homem, que havia sido treinado por teólogos, procurava pelo tempo do Seu aparecimento, e então, quando Ele chegou, eles O confundiram e O chamaram, “um demônio”. Eles diziam que o ministério que Ele tinha era do Diabo, porque Ele podia discernir os pensamentos que estavam em seus corações, e por isto eles pensaram ser Ele uma espécie de um – de um feiticeiro ou como um adivinhador; e qualquer pessoa conhecia o que eram espíritos maus. E então, chamar a obra de Deus de “um espírito mal”, era blasfêmia.

E Ele disse que os perdoaria por isto, porque o Espírito Santo não tinha vindo ainda para sensibilizar seus corações e para – para coloca-los em condição tal que eles entendessem a Deus. Os corações deles estavam muito longe de Deus. Tudo que eles conheciam era uma fria teologia da lei, e eles não tinham ainda recebido o Espírito Santo. Mas Ele disse, “Quando o Espírito Santo tiver vindo e fizerem a mesma coisa, falar contra Aquele, nunca será perdoado neste mundo nem no mundo que há de vir”.

Os judeus querem ver um sinal

E eu estava pensando enquanto lia isto, esta tarde, e meditando sobre isto, de como que – que eles, um deles aqui, veio a Ele, tomou a palavra, e perguntou-Lhe, disse, “Mestre, quiséramos ver da Tua parte algum sinal”. Em outras palavras os Judeus sempre foram ensinados a crerem em sinais. Os Judeus sempre procuram sinais; e os Gregos sabedoria. E nós constatamos que esses Judeus estavam confiando em um sinal.

O sinal do Messias manifestado

Agora, que um – um real testemunho contra este Fariseu, que supostamente conhecendo as Escrituras, que o sinal do Messias, Jesus já tinha realizado, e Seus olhos estavam tão obscurecidos que ele não o reconheceu. Jesus tinha, Jesus tinha dado a ele o verdadeiro Sinal Messiânico que estava prometido nas Escrituras. Mas ele estava procurando por um outro tipo de sinal.

Falhando em ver o sinal do tempo presente

E quão verdadeiro aquilo está com os professores de hoje, e as pessoas de hoje. Eles podem ver alguma coisa que é sólida nas Escrituras, prometida por Deus, para o dia. E eles podem ver Aquilo, mas ainda assim estão buscando por alguma coisa, eles querem ver algo mais, e não tomando o sinal do tempo.

Ele lhes disse certa vez, “Vocês podem discernir os céus quando está sombrio, e vermelho. Vocês dirão, quando está sombrio e vermelho, ‘amanhã fará um mau tempo’, e assim por diante”. Mas disse, “Vocês podem discernir os sinais nos céus, mas, os sinais do tempo, vocês não entendem”. Pois verdadeiramente a Escritura tem dito que este Messias seria um profeta.

Nós sabemos que a maneira de Deus fazer as coisas era sempre enviando um profeta para vindicar Sua mensagem. Nunca tem falhado. Nunca falhará. Deus não pode mudar sua maneira. Seja qual for Sua decisão, ela deve sempre permanecer daquela maneira. O que Ele diz é verdadeiro.

Deus trata com indivíduos 

Deus nunca lidou em grandes grupos. Ele sempre lidou com um indivíduo. É como Ele tem tirado um povo dos Gentios para Seu Nome; apenas um indivíduo, um aqui e ali, para Seu Nome. Ele trata com um indivíduo, não por grupos.

E nós encontramos que a razão que eles criam nisto, que um profeta devia ser uma testemunha identificada de Deus. Pois quando ele dizia qualquer coisa, e ela acontecia; e dizia outra vez, e acontecia; e qualquer coisa que dissesse, Deus vindicava por ser verdade, então Ele diz, “Ouça-o, pois Eu estou com ele”.

Agora nós vemos que Moisés, em quem eles alegavam crer, havia lhes dito, “O Senhor vosso Deus vos levantará um Profeta semelhante a mim, e a ele o povo deve ouvir. E todo aquele que não crer neste Profeta deverá ser cortado do povo”.

Nós sabemos ser verdade. “Ele veio para o que era Seu; e os Seus não O receberam. Porém tantos quantos O receberam, a estes deu Ele poder, deu-lhes poder de tornarem-se filhos de Deus”.

Como encontramos esses Fariseus procurando exatamente, e Saduceus, sobre exatamente o que a promessa de Deus disse que Ele faria. Ali estavam eles procurando um sinal, não sabendo que aquele era o verdadeiro sinal Messiânico que Ele estava para dar.

Filipe compreendeu quando Ele lhe disse onde ele estava no dia anterior. Ele compreendeu que era o Messias, disse, “Tu és o Cristo, e Tu és o Rei de Israel”. E então ele – ele reconheceu aquilo porque ele foi dado para aquilo. Ele foi.

Jesus disse, “Ninguém pode vir a Mim, se Meu Pai não o trouxer. E todo aquele que o Pai tem me dado virá a Mim”. Não importa o quanto nós tentemos tomar outro caminho, tem que ser de Deus. “Assim pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus que se compadece”. Deus é Quem faz a escolha. “Vós não ME escolhestes a Mim”, disse Jesus, “Eu escolhi a vós”.

E nós sabemos que o anticristo no último dia, “enganará todos os habitantes da terra, cujos nomes não foram escritos no Livro da Vida do Cordeiro desde antes da fundação do mundo”. Seus nomes foram colocados no Livro de Deus antes do Cordeiro ser morto. Quando Seu programa estava exposto, a coisa toda, você foi reconhecido naquele programa porque você recebeu Vida Eterna. A palavra Eterna, jamais teve começo e nunca terá fim, e você é um atributo do pensamento de Deus antes mesmo da criação do mundo. Esta é a única maneira para que você possa ter Vida Eterna. E a Vida, que Ele estava planejando para você, está em você agora. Não há como separa-la. Está ali para ficar.

Notem agora, estes Fariseus, mesmo sendo professores religiosos, grandes estudiosos de teologia, e estudaram o Livro, dia e noite, falharam ao ver o sinal Messiânico, e estavam tentando pedir-Lhe um sinal.

Disto eu devo ir mais além na coisa, para que saibam que Deus sempre dá sinais. Porque Ele é sobrenatural, Ele sempre lida com as pessoas por sinais, sinais Escriturísticos.
Mensagem pregada pelo profeta William Branham – Eis que está aqui quem é mais do que Salomão – Parágrafos: 4 ao 21

Esta entrada foi publicada em A Palavra de Deus. Adicione o link permanente aos seus favoritos.